Como Conseguir um Aumento no Limite do Cartão

Conseguir um aumento no seu limite pode ser muito mais fácil do que você imagina.

Por: Da Redação em 23/10/2018 - 16h31

Os cartões de crédito sabendo usar são poderosos e são usados como ferramentas de compra que visa beneficiar seus associados, como programas de milhas e pontos, prêmios mensais, descontos exclusivos para quem possui o cartão de crédito, seguros gratuitos e muitos outros serviços. Mas se usado sem planejamento são perigosos o que pode causar um grande transtorno financeiro trazendo bastante dividas já que a taxa de juros são altas e a probabilidade é grande que essa dívida fique cada vez mais alta.

O limite que é proposto para você é o valor que você pode gastar em um total de compras e não mensal, ou seja, se você dividir um certo valor de 12x, será descontado do seu limite o valor integral e não o valor das parcelas. Sendo que dessa forma você pode parcelar suas compras em estabelecimentos que autorizam esse procedimento e pagar somente quando sua fatura estiver na data de vencimento. Caso você atinja seu limite o seu cartão será bloqueado assim impedindo novas compras ou se seu cartão tiver o limite de emergência ele aceitara uma nova compra porém será cobrado uma “multa” por utilização desse limite. Para aumentar seu limite existem algumas dicas importantes sempre que possível atualize sua renda.

Como a instituição financeira não tem o hábito de correr atrás de quanto está sua renda ou não tem esse tipo de sistema, é necessário você informar ao banco ou fintech sempre que houver alteração em sua renda, assim você fica atualizado no sistema deles, assim já aumenta a possibilidade de um aumento no seu limite do cartão de crédito.

Utilize ao máximo seu cartão de crédito

Sempre que possível utilize seu cartão, o objetivo disso é mostrar ao banco que você está gastando o limite ou bem próximo dele, pagando em dia e que esse limite não é ideal para o seu perfil, ou seja, você precisa de mais limite e não vai entrar em inadimplência.

Nunca fique inadimplente com sua fatura

Seja pontual no pagamento da sua fatura, pois a instituição financeira não vai liberar um limite se você possui alguma divida com eles. Caso não pague em dia sua fatura a instituição financeira deduz que você não possua condições de pagar uma fatura com o valor maior do que já está pagando.

Outro ponto muito importante é sobre como são cobradas as taxas do seu cartão.

Converse com o responsável pela sua conta corrente

Há duas maneiras de conseguir um aumento no limite, a primeira costuma ser pelo modo tradicional que é pelo atendimento telefônico que cada instituição financeira oferece ao cliente. Essa alternativa é indicada para clientes que não possuem o conhecimento de seu score no mercado e não sabe ao certo se o limite que está sendo solicitado é condizente ao seu perfil. E a outra opção e a melhor é chegar ao banco e conversar com seu gerente ele mais do que ninguém sabe como é sua vida financeira, como você é pontual com o pagamento de suas dividas.

Peça transferência de limites

Poucas pessoas tem o conhecimento dessa possibilidade, caso você tenha um outro cartão com a instituição financeira, limite de cheque especial e coisas do tipo você pode dispensar esses serviços e solicitar que o limite desses outros serviços sejam depositados no seu cartão de crédito principal.

Score de crédito

Procure sempre manter o seu score de crédito o mais alto possível, assim você demonstra ao mercado financeiro que você é apto a pagar suas dívidas e totalmente responsável.

Controle sua vida financeira

Tenha muito cuidado com o limite do seu cartão, se você está solicitando um aumento de limite tenha a consciência de que poderá arcar com as dívidas que ele pode te gerar, lembre-se de manter todas as faturas em dia para abrir as possibilidades nas instituições financeiras caso tenha que solicitar um novo aumento de limite.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*