Cartão de crédito pré-pago: o que é e como funciona essa modalidade

Entenda tudo sobre esse meio de pagamento que pode ser muito útil para sua vida financeira

Por: Wallace Graciano em 08/04/2021
Cartão de crédito pré-pago: o que é e como funciona essa modalidade

Apesar de ser uma nova modalidade, o cartão de crédito pré-pago já caiu no gosto do brasileiro. Mas você realmente sabe o que é, como ele funciona e como se beneficiar? É isso que  iremos explicar nesta publicação.

Nova “queridinha” do brasileiro, essa modalidade movimentou R$ 45,3 bilhões em transações em 2020, segundo dados da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs). Esse número representa um crescimento de 107,4% em relação a 2019.

O que é o cartão pré-pago?

Você já deve estar bem familiarizado com os cartões de crédito e débito, que fazem parte do dia a dia do brasileiro. Mas você sabia que existe uma modalidade que mescla as principais funções dos dois e faz cada vez mais sucesso?

Este é o cartão de crédito pré-pago, e assim como um modelo tradicional com ele você pode fazer compras em lojas físicas e em sites nacionais e até internacionais. Porém, você precisará deixar um saldo disponível junto à instituição contratada e somente poderá consumir esse valor.

Ou seja, na prática, o cartão de crédito pré-pago é como um cartão de débito mas que te permite realizar compras em qualquer lugar que aceite cartão, sem se preocupar com a fatura no mês seguinte e, geralmente, com tarifas mais baixas.

Qual a diferença entre um cartão pré-pago e um tradicional?

Os dois cartões possuem funções bem parecidas, como fazer compras em lojas físicas e on-line. Porém, na prática, a diferença entre as duas modalidades está na forma como você irá pagar pelo bem, produto ou serviço.

No cartão pré-pago, como o próprio nome diz, você deixa um valor depositado previamente, podendo só usar esse valor disponível.

Já no cartão de crédito, também com funcionalidade relacionada ao nome, você tem um valor atrelado à instituição financeira e poderá pagar pelo produto ou serviço futuramente, além de dividir a compra, caso queira.

Como funciona o cartão de crédito pré-pago?

Porém, como não deixaria de ser, esse cartão tem suas peculiaridades. Abaixo, vamos mostrá-las.

Limite

Em relação ao limite do cartão de crédito pré-pago, ele é um pouco distinto do cartão tradicional. Na prática, seu limite está atrelado ao quanto você faz de recarga. Porém, é preciso ter ciência que alguns bancos estipulam um valor máximo de carga total. Nesse caso, é bom entrar em contato com a instituição na hora da contratação.

Parcelamento de compras

Função tão aclamada no cartão de crédito tradicional, o parcelamento de compras não está disponível no pré-pago. Isso porque você só poderá gastar o quanto tem de saldo disponível, sendo inviável calcular perspectivas futuras.

Como carregar um cartão pré-pago?

Não há uma regra específica para você carregar seu cartão de crédito pré-pago, porém vamos listar abaixo as mais comuns:

  • Através do débito direto em sua conta corrente;
  • Através do depósito por boleto bancário;
  • Através de depósito em conta por TED, PIX ou DOC.

Existe validade no saldo colocado?

Essa é a maior dúvida dos usuários de cartão pré-pago. Então, pode ficar tranquilo! Se você teme perder seu saldo, saiba que ele estará disponível até você utilizá-lo.

Como acesso a fatura do cartão pré-pago?

Como você não fará nenhum pagamento posterior, você acessa a fatura através do extrato de sua conta corrente vinculada ou da conta de depósito criada. Geralmente você a acessa das seguintes formas:

Sem conta vinculada

  • Acesse a opção “Cartões” da empresa e busque o menu “Cartão Pré-Pago”.
  • Depois, clique em “Ver Extrato”

Com conta vinculada

  • Acesse normalmente sua conta
  • Pressione o botão Ver Extrato

Qual a bandeira dos cartões pré-pagos?

O que faz um cartão pré-pago ser semelhante aos cartões tradicionais é ele estar vinculado a uma bandeira, que nada mais é do que a empresa responsável pela transação entre sua conta corrente e o lojista.

As bandeiras mais comuns que emitem esses cartões são Visa, Mastercard e Elo. Se você tiver uma delas, fique tranquilo, pois ela é bem aceita em qualquer lugar do Brasil (no caso de Visa e Mastercard em mais de 200 países no mundo).

Taxas e Juros de um cartão pré-pago

Apesar de não ter vínculo direto com nenhuma instituição, os cartões de crédito pré-pago possuem algumas tarifas. Abaixo, vamos mostrar as principais cobranças e mostrar a diferença para aquelas comuns aos cartões tradicionais.

Anuidade

A tão temida anuidade não é cobrada no cartão pré-pago. Porém, na prática, uma taxa similar é cobrada, a de manutenção mensal. Ela não é uma regra, mas boa parte dos emissores cobram essa tarifa. Em uma rápida pesquisa entre os principais cartões do país, a taxa de manutenção mensal varia entre R$ 5 e R$ 12,90.

Juros rotativo

Principal vilão dos usuários de cartão de crédito, os juros do rotativo não estão presentes para quem tem em mãos um cartão pré-pago. Isso porque não há uma contratação de crédito junto à bandeira, mas, sim, um carregamento prévio para utilização do serviço.

IOF

O Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) não é cobrado em transações nacionais, seja em lojas físicas ou virtuais. Porém, caso você use o cartão pré-pago internacional no exterior, seja em sites ou em estabelecimentos físicos, você será tarifado. Atualmente o IOF incidente é de 6,38%.

A vantagem é que nesta modalidade, como a cobrança é imediata, ela é feita com a cotação da moeda do dia da compra.

Tarifa de aquisição/emissão

Boa parte (para não dizer quase todas) das instituições financeiras cobram a tarifa de aquisição (ou emissão) do cartão pré-pago. Em uma rápida pesquisa entre os principais cartões do país, essa taxa varia entre R$ 8 e R$ 15 e só é cobrada uma vez.

Tarifa de carregamento

Outra tarifa comum é a de carregamento, que se dá toda vez que você coloca saldo no cartão. Essa tarifa só não é cobrada quando o cartão está diretamente vinculado à conta corrente. Geralmente, essa taxa varia entre R$ 2,50 até absurdos R$ 15.

Quem pode ter um cartão de crédito pré-pago?

O cartão pré-pago pode ser solicitado por qualquer pessoa, desde que seja maior de 18 anos. A grande vantagem é que não precisa ter necessariamente uma conta em um banco, precisando apenas entrar em contato e contratar o serviço.

Além disso, se você estiver com o nome sujo (ou negativado), fique atento! Essa modalidade é de grande ajuda para você ter flexibilidade na sua vida financeira e conseguir sair do vermelho.

Como não há vínculo direto, os bancos oferecem essa possibilidade para você continuar fazendo compras, caso esteja com dificuldade de obter um cartão de crédito convencional devido ao nome sujo.

Particularidades dos cartões pré-pagos

Chegou o grande momento em que vamos mostrar as vantagens e desvantagens do cartão de crédito pré-pago. Confira abaixo:

Vantagens

  • Aquisição sem burocracia (você não precisa de um comprovante de renda, por exemplo);
  • Sem restrição para negativados;
  • Pode ser usado como um cartão de crédito tradicional;
  • Controle financeiro de suas compras;
  • Sem fatura mensal no final do mês;
  • Sem cobrança de juros rotativos;
  • Cobrança de moeda estrangeira na cotação do dia (geralmente, no cartão de crédito tradicional, a cobrança é feita na cotação da data de fechamento da fatura);
  • Controle financeiro no exterior;
  • Uso corporativo para pagamento de diárias de viagem ou consumo dos funcionários;
  • Vale-presente;
  • Não precisa ter conta corrente em um banco;
  • Pode ser usada em compras por aplicativo e serviços de streaming como Uber, Ifood, Netflix, Amazon, Deezer, Disney +., Netflix, Spotify, entre outros.

Desvantagens

  • Não permite parcelamento;
  • Só é possível operá-lo se tiver saldo;
  • Não permite postergar a compra para o outro mês;
  • Em alguns bancos possui limite de movimentação;
  • Cobra por saques em caixas eletrônicos;
  • Cobra taxas de manutenção mensal e de aquisição do serviço

Quais tipos de cartão pré-pago existem?

Bom, agora vamos mostrar cada um dos cartões de crédito pré-pagos disponíveis no mercado para você escolher qual é o melhor para você.

  • Nacional: que só é aceito em território nacional.
  • Internacional: aceito em qualquer lugar do mundo.
  • Corporativo: normalmente disponibilizado por empresas para que funcionários o utilizem em reuniões de negócios ou viagens.
  • Vale-presente: Neste tipo de operação, você compra um cartão com um valor determinado e pode presentear uma pessoa com ele.

Agora que você conhece cada um dos modelos existentes, faça nosso Quizz no Plusdin e descubra qual é o melhor cartão pré-pago para você.

Como solicitar um cartão de crédito pré-pago?

Agora que você conheceu nosso recomendador de cartões de crédito e descobriu qual é o melhor para você, basta entrar em contato com banco, carteira de crédito ou bandeira solicitando seu pré-pago!

A grande vantagem é que não precisará oferecer alguns documentos usuais para cartões tradicionais, como comprovante de renda, ou mesmo passar por análise ou consulta ao SPC e Serasa. Basta disponibilizar comprovante de endereço, documento com foto e CPF e aguardar a chegada do seu cartão pré-pago.

Aproveite e nos conte sobre sua experiência.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*