Como Funciona um Cartão de Crédito?

Confira aqui as principais funcionalidades do cartão de crédito.

Por: Da Redação em 27/01/2021

Um dos meios de pagamento mais utilizados do mundo é o cartão de crédito. Do surgimento nos anos 1950 até os dias atuais, a modalidade percorreu um longo caminho, mas hoje praticamente toda a população possui um.

As vantagens são inúmeras, especialmente no caso brasileiro do parcelamento das compras. Mas também é preciso entender como funciona um cartão de crédito para não cair em ciladas,  e ter perspicácia na hora de adquirir, negociar e até mesmo cancelar o serviço. 

Afinal de contas, é você que deverá transformar o cartão em um meio facilitador e não em algo que dilacere sua vida financeira. Tudo na vida é equilíbrio. Gaste seu cartão também desta forma. O Unum traz todos os detalhes sobre a modalidade de pagamento e responde as dúvidas mais frequentes sobre o assunto. 

O que é cartão de crédito?

É um meio de pagamento com um limite de crédito previamente estabelecido. Um dos principais atrativos de um cartão de crédito é garantir ao consumidor a possibilidade de pagar pelo serviço ou bem comprado apenas na data do vencimento da fatura. Muitas vezes, a aquisição também pode ser parcelada. O cliente pode utilizar o cartão de crédito em locais e ambientes digitais, como site de compras e outros serviços, que aceitem a modalidade de pagamento.

Como funciona o cartão de crédito?

Basicamente, a lógica de um cartão de crédito é a seguinte: permitir que você efetue pagamentos de bens ou serviços sem que possua o dinheiro em questão no ato da compra. A instituição financeira que lhe cede o cartão, em muitos dos casos um banco, paga a sua conta, com a garantia de que irá receber em uma determinada data pré-estabelecida, no caso, o dia do vencimento da fatura. Se o pagamento não ocorrer, o cliente paga juros. Caso a inadimplência permaneça, o consumidor é incluído em serviços de proteção de crédito. 

Como funciona o limite de crédito do meu cartão?

O limite do cartão de crédito é estabelecido pela instituição financeira de acordo com seus gastos e capacidade de pagamento. Cada vez que você utiliza seu cartão para novas aquisições, seu limite sofre uma redução. Mas quando você efetua o pagamento das faturas, seu limite vai retornando ao valor original.  

Se você optou por fazer uma compra parcelada, o valor que será considerado no limite é o total do produto, bem ou serviço. Outra situação que compromete o limite é não efetuar o pagamento integral da fatura, optando pela divisão do débito. Ao fazer isso, automaticamente o valor da fatura em aberto é incluído no seu limite até o pagamento das parcelas. 

Quais tarifas pago no cartão de crédito?

O Banco Central definiu algumas taxas que podem ser cobradas pelas operadoras de cartão de crédito. O Unum as explica. 

Anuidade

Funciona como uma taxa de manutenção do cartão de crédito. Ela pode ser cobrada de duas maneiras, apenas uma vez em um ano, ou então como geralmente acontece, parcelada em 12 vezes. Existem instituições que isentam seus clientes da cobrança de anuidade seja como vantagem ou então mediante a uma compra mínima por mês.  

Pagamentos de contas com cartão

Essa taxa é cobrada quando o cliente lança mão de seu cartão de crédito para fazer o pagamento de tarifas como água, luz, gás, tributos e etc; além de quitar faturas e boletos de cobranças de produtos. Essa tarifa também vem acompanhada da cobrança de IOF, que é o Imposto sobre Operações Financeiras. 

Saque nos caixas eletrônicos 

Ter um cartão de crédito também lhe permite utilizar o meio de pagamento para fazer o saque de dinheiro em espécie em caixas eletrônicos no Brasil e no exterior. Mas saiba que isso implica na cobrança de juros. Se você tiver fora do país e sacar dinheiro com seu cartão de crédito, além dos juros, será cobrado também o IOF, o imposto sobre operações financeiras. 

Emissão / Segunda via do cartão

Perder um cartão de crédito e solicitar a emissão de um novo vai lhe render a cobrança de uma taxa. Essa tarifa também acontece em caso de roubo e furto. A exceção se dá em caso de fraude, como clonagem de cartões. Nessa situação, o banco é responsabilizado.

Avaliação emergencial de crédito

Quando o cartão ‘estoura’, a solução é ligar para o banco e pedir aquela ‘aumentada’ no limite. A instituição faz então uma análise de emergência do seu crédito, libera o que você precisa, mas cobra uma taxa por realizar esse processo de avaliação. 

Juros Rotativos

Você entra no rotativo do cartão quando não consegue efetuar o pagamento por inteiro da fatura. A partir deste momento, o valor que ficou em aberto da prestação anterior é incluída na sua atual com a cobrança de juros. Ou seja, é pagar juros sobre o valor que você não conseguiu quitar. 

Juros Compostos

Os cartões de créditos no Brasil funcionam com juros compostos e não simples. O que significa dizer isso? Suponhamos que a taxa de juros seja de 10%. Se você não conseguir pagar R$ 300 em sua fatura, no próximo mês, seu saldo devedor será de R$ 330.

No segundo mês de dívida, os 10% será cobrado em cima dos R$ 330 e não de R$ 300, como aconteceria nos juros simples, elevando sua dívida para R$ 363. 

Fatura: Como funciona?

A fatura do cartão de crédito traz o detalhamento de seus gastos no período de um mês. A data de análise será sempre entre a data do fechamento anterior até o dia de fechamento da fatura atual. 

Qual o melhor dia para gastos no cartão de crédito?

Isso dependerá da data de fechamento da sua fatura. Para saber, consulte sua operadora de cartão. Essa data vai determinar quando a compra adquirida será cobrada. Por exemplo, se seu cartão fecha fatura no dia 5 e você fez uma compra no dia 4, esse valor já será cobrado na data de vencimento do próprio mês.

Como funciona o parcelamento da fatura?

Quando você não consegue efetuar o pagamento do valor integral da fatura, optando pelo valor mínimo, por exemplo, automaticamente você é incluído no crédito rotativo. No entanto, você só pode permanecer na modalidade por 30 dias. Passado o período, duas opções são colocadas: efetuar o pagamento integral do valor, que já vem acrescido de juros, ou então optar pelo financiamento da dívida junto ao banco.

Neste último caso, a fatura é parcelada, tendo também a cobrança de juros específicos. Caso o cliente não se manifeste, ele é automaticamente incluído em uma modalidade de pagamento já estabelecida pela instituição financeira. 

Vantagens e desvantagens do cartão de crédito

Dentre as vantagens estão a possibilidade de parcelar a compra e a comodidade para estender prazos de pagamento. 

Já as desvantagens são os juros cobrados em caso de não pagamento, que tendem a sofrer fortes aumentos; a má administração do cliente e as compras por impulso. 

Quem pode pedir um cartão de crédito?

Qualquer consumidor (pessoa física) ou empresa (pessoa jurídica). Nos dois casos, o potencial cliente vai passar por uma avaliação de crédito, essencial para definir o limite que será concedido. 

Preciso ter conta no banco para pedir um cartão?

Não. Além de bancos, o emissor pode ser uma fintech (startup que desenvolve produtos financeiros, como cartões de crédito) e outros tipos de empresas, dentre elas as de varejo. 

Quais são os tipos de cartão de crédito existentes? 

Consignado: É um cartão destinado aos aposentados, pensionistas do INSS e servidores públicos. O meio de pagamento costuma ter taxas de juros mais baixas em relação aos demais cartões. 

Pré-pago: É um cartão que funciona por meio de recarga por meio de várias plataformas, como PagSeguro, ou até mesmo utilizando os serviços de seu banco, como depósitos e boletos. Com o saldo disponível, você fica livre para usar o cartão para compras e outras finalidades. 

Múltiplo: É o que serve tanto como crédito quanto débito. Nele você pode realizar diversos tipos de serviços, como transferências, saques, pagamentos e etc. 

Crédito: Existem dois modelos de cartão de crédito: o simples, para o pagamento de bens e serviços em estabelecimentos autorizados; e o diferenciado, que oferece o mesmo do simples, mas permite ao cliente programas de benefícios da operadora, como milhagem. 

Cartão de crédito é seguro?

Em geral, é uma modalidade de pagamento bastante segura. Porém, não está isenta de fraudes, como clonagem, um crime que vem aumentando no Brasil. Esteja sempre atento à sua fatura. Ao sinal de qualquer compra suspeita, acione sua operadora. 

O que é CVV do cartão de crédito?

São os três números que aparecem no verso de seu cartão, na parte central. Esse número é essencial para a liberação de compras, principalmente no meio virtual.

Quando posso cancelar o cartão de crédito? Como cancelar o cartão de crédito?

O cartão pode ser cancelado a qualquer momento. Basta entrar em contato com sua operadora de cartão para fazer o pedido. Ter dívidas em aberto no cartão não impede o cancelamento. Você pode e deve solicitar, quando achar necessário, até mesmo para evitar juros e o aumento de sua dívida. 

1 Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*