Dicas De Como Fazer Economia Dentro de Casa

Ser econômico dentro de casa é essencial para manter sua saúde financeira e sobrar mais dinheiro para utilizar da forma que quiser. Confira algumas dicas que separamos para que essa economia doméstica fique ainda mais acessível

Por: Da Redação em 28/05/2019 - 14h05

A economia doméstica é um dos segredos para o orçamento familiar e também a chave para a construção de um bom patrimônio.

Muitas pessoas acham que economizar é uma missão impossível, mas com algumas mudanças simples no estilo de vida podem fazer muita diferença. Fazer uma economia doméstica e reduzir mais despesas do seu orçamento pode ajudar a ter uma vida mais feliz e saudável.

Há muitas maneiras de realizar uma economia doméstica. Para isso será preciso um pouco de esforço de toda família para descobrir como reduzir despesas.

Então como fazer essa economia doméstica?

Você precisa saber:

  • Saiba quanto você tem
  • Conheça suas dívidas
  • Acompanhe o orçamento mês a mês para planejar o próximo
  • Elimine dívidas e invista seu dinheiro

O primeiro passo a tomar é organizar todos os gastos, saber exatamente onde o seu dinheiro está indo. E para ajudar com esse primeiro passo a dica é usar a ferramenta de controle financeiro como aplicativos que podem ser usados no celular na hora que desejar.

Uma boa regra de consciência dos seus limites é o sistema 50/30/20 nos seus gastos, sendo que :

Os 30% serão para o estilo de vida: Coisas que você faz para se divertir, um curso ou com gastos extras.

Os 20% serão para as prioridades: Empréstimos, financiamentos, poupança e investimentos.

Os 50% serão para todos os gastos essenciais: Todos os gastos que precisa para sua família sobreviver como: contas de luz, água, telefone, internet, aluguel, transporte, alimentação e outros.

Crie uma reserva emergencial: Isso é preciso para prevenir contra as adversidades e circunstâncias da vida.

Vamos citar algumas dicas importantes de como fazer economia dentro de casa:

  • Substituas todas as lâmpadas da sua casa pelas as econômicas, pois geram mais luminosidade, tem mais durabilidade e economizam até 80% de energia
  • Diminua o tempo de uso do chuveiro. Desligue o chuveiro no momento de ensaboar, a economia pode chegar até 48 litros de água por banho.
  • Desligue o eletrodoméstico da tomada, ao finalizar o uso desligue da tomada, isso ajuda a economizar. Caso não saiba a luz vermelha acesa mesmo com o aparelho desligado consome energia.
  • Apague a luz ao sair do ambiente, isso pode parecer lógico, mas somente quando adotamos esse costume no nosso dia  a dia ele se torna um hábito ajudando a economizar luz.
  • Mantenha o chuveiro na opção verão nos dias de clima agradável, deixar o chuveiro na opção verão pode ajudar economizar até 30%.
  • Fique livre das extensões. As extensões e benjamins (T) ajudam a desperdiçar energia. Use somente se for necessário.
  • Desligue a chave de energia nos dias que forem viajar.
  • Não usar ventilador e ar condicionado no inverno.
  • Seque a sua roupa no varal, nada de usar máquina de secar. Escolha sempre por secar as roupas no varal para economizar energia.
  • Se não estiver usando o computador desligue o monitor, é a parte que mais consome energia, principalmente se o monitor for aquele grande de turbo.
  • Compre eletrodomésticos econômicos da classificação A, são os mais eficientes no uso da energia elétrica.
  • Não deixe a geladeira aberta por muito tempo, ao deixar aberta o calor começa a entrar e para esfriar novamente a geladeira precisará consumir muita energia. Portanto não deixe a porta aberta por muito tempo.

 

  • Passe roupa 1 vez na semana, quando ligamos e desligamos o ferro de passar gastamos uma grande quantidade de energia. Acumule muita roupa antes de passar.
  • Feche as torneiras no momento de lavar as louças e escovar os dentes.
  • Reaproveite a água que você lavou as roupas para regar a horta.
  • Lave roupa 1 vez na semana, você economiza energia e água.
  • Não escove dente no banho consome mais energia e água que poderia ser gasta com apenas uma abertura de torneira rápida.
  • Evite parcelar as despesas como sacolão e supermercado. Se você parcelar as compras, no outro mês terá dívida novamente.
  • Pague suas contas em dia, você evita o pagamento de juros e multas, assim fará uma grande diferença no seu orçamento.
  • Faça uma lista de compras antes de sair de casa, defina os itens essenciais para sua casa e família. Depois inclua os itens que não são tão importantes como: biscoitos, iogurtes, sucos e outros.
  • Caso tenha filhos pequenos pequenos estabeleça o que pode ser comprado antes de sair de casa.
  • Faça um cardápio de almoço e janta, assim te ajudará na elaboração da lista de compras e evita desperdícios.
  • Fique atento as promoções do dia, pode ajudar a economizar.
  • Compre produtos de marca própria dos supermercados, costumam ser mais baratos que os produtos similares. Sempre compare os preços.
  • Sempre que for fazer compras alimente-se antes, quando vamos com fome a tendência é comprar tudo o que achamos na frente sem olhar os preços.
  • Evite jogar comida fora, deixando alimentos estragando na geladeira ou abusando da quantidade de produtos é queimar dinheiro.
  • Leve seu próprio almoço para o trabalho, fazer comida em casa é mais barato e mais saudável que comer fora todos os dias.
  • Pare de gastar no fim de semana, uma redução de 2 dias pode levar a uma ótima economia.
  • Leve o dinheiro no valor certo, esta é uma dica quando você já sabe o valor do que irá comprar. Assim você evitará gastos desnecessários.
  • Caso precise comprar medicamentos opte pelos genéricos, são bem mais baratos do que os medicamentos que carregam marcas de grandes laboratórios.
  • Saiba o consumo da sua família, compre apenas a quantidade de comida necessária. O estoque de comida pode levar ao desperdício.
  • Reaproveite as sobras de comida, nem tudo o que é dispensado precisa ir pro lixo. Há muitas receitas de reaproveitamento de cascas e sementes, que muitas vezes são jogadas fora.
  • Asse mais de um alimento ao mesmo tempo, ao utilizar o forno e cozinhar alimentos ao mesmo tempo, além de economizar energia e também o gás.
  • No caso de transporte o carro pode gerar gastos enormes, por isso procure meios de locomoção alternativos. Mas se caso você vá de carro para o trabalho planeje o horário e o mesmo trajeto da escola dos filhos.
  • Corte os gastos com academia substitua a academia por uma caminhada.

Organize a casa toda!

Para que você e sua família consiga fazer essa economia é preciso muita organização e disciplina da parte de cada um e que poucos lares tem.

Ao desempenhar essas atitudes no seu dia a dia e seguir todas essas dicas de economia doméstica a saúde financeira e a qualidade de vida da sua família aumentará significativamente.

Comece hoje a colocar nossas dicas em prática e mantenha seu dinheiro sob controle.

 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*