5 Empréstimos Com as Menores Taxas de Juros

A grana apertou? Acalme-se, vamos lhe mostrar os cinco empréstimo com a menor taxa de juros.

Quem nunca se complicou financeiramente? Em momentos de aperto, buscar um dinheirinho extra através de empréstimo virou uma solução cada vez mais comum para tirar a corda do pescoço. Não à toa, essa é a opção mais procurada no mercado quando existe a necessidade de se obter recursos financeiros extras para alguma eventualidade. 

Geralmente, eles são acionados em situações de emergência. Por exemplo, um tratamento médico, a aquisição de matéria-prima para o negócio e o pagamento de contas que vão vencer. Porém, temos casos que o aperto financeiro é tão grande que até mesmo os empréstimos podem ser vantajosos se os juros forem menores do que estão se acumulando na dívida.

Mas, temos uma certeza: independentemente de qual seja sua situação, o importante ao contrair um empréstimo é saber escolher a instituição ou empresa que lhe concederá o benefício e quais costumam ter as taxas mais baratas. Por isso, resolvemos montar este conteúdo que irá te auxiliar a entender os tipos de empréstimo mais baratos e quais poderão te ajudar a tirar a corda do pescoço. Então, venha conosco!

O Que é Empréstimo?

O empréstimo nada mais é que uma espécie de acordo no qual você solicita uma quantia financeira para uma instituição com a condição de pagar dentro de um certo prazo com acréscimo de juros.

Muitas vezes o valor emprestado não precisa ter um destino fixo, ou seja, o solicitante pode usá-lo da maneira que achar melhor. 

Porém, em algumas, como iremos mostrar abaixo, tendem a pedir alguns itens de garantia para baixar essas taxas, já que é como se você se comprometesse a pagar aquele dinheiro solicitado e, para mostrar a segurança no investimento que a empresa fará em você, desse seu veículo ou imóvel como garantia.

Como Escolher o Melhor Empréstimo?

O primeiro passo é, justamente, ficar atento ao custo efetivo, ou seja, as taxas que envolvem a operação. Por isso, é preciso pesquisar entre bancos, agências financeiras e empresas do setor financeiro digital para encontrar a melhor opção quando o assunto é taxa de juros.

Além disso, quem pede o empréstimo também precisa estar atento ao prazo estipulado para a quitação da dívida e, consequentemente, os valores das parcelas (já incluindo os juros eventuais que poderão incidir do contrato). Isso posto, claro, observando se o valor final das parcelas não compromete seu orçamento. 

Outro ponto crucial é que quem pede empréstimo deve optar por comodidade e praticidade na hora de solicitá-lo. Evitar filas, análises de crédito complexas e burocracia são pontos importantes, por isso, a dica é tentar o empréstimo online, por meio das instituições financeiras do meio digital, como é o caso das fintechs.

Nesse caso, temos como grande dica a Finanzero, uma correspondente financeira online que calcula com os mais diversos bancos e instituições financeiras qual é aquele que atenderá melhor seu perfil.  Isso tudo com agilidade e sem precisar de burocracia, já que a empresa atende como intermediária entre você e o banco já lhe enviando propostas pré-aprovadas, na qual você poderá escolher qual melhor se adequa ao seu bolso. Ah, todo esse procedimento é realizado de forma gratuita.

Depois de analisar bem as características de cada uma das propostas, basta concordar com as condições, enviar a documentação e, em até 24 horas, receber seu dinheiro na conta cadastrada. 

Quais São os Cinco Tipos de Empréstimos Com as Menores Taxas de Juros

De uma forma simplificada, o que encarece um empréstimo são os juros e encargos incidentes em um pedido. Essas taxas levam em consideração quanto mais risco um banco, por exemplo, tem ao lhe oferecer determinada quantia.

Por isso, quanto mais garantias você tiver para “dar segurança” à instituição financeira, menores serão as taxas incidentes. Nesse caso, algumas modalidades levam em questão esses fatores e, por isso, são aquelas que oferecem as menores taxas de juros. São elas:

  • Crédito consignado

Se você é pensionista ou aposentado, corra para essa modalidade, pois os juros são menores do mercado, uma vez que as parcelas da dívida são descontadas diretamente na folha de pagamento de quem solicitou o empréstimo. 

Porém, nem tudo são flores, pois alguns bancos cobram taxas de avaliação de crédito, tarifas de cadastro e podem tentar embutir seguros no empréstimo. Então, sempre esteja alerta para o Custo Efetivo Total (CET) da operação, cálculo que inclui não apenas os juros, como todos os valores envolvidos no empréstimo.

  • Refinanciamento do imóvel

Esse é outro tipo de empréstimo com taxas baixas, uma vez que o proprietário oferece seu imóvel como garantia de que irá quitar o valor solicitado. Em linhas gerais, como o banco tem a certeza de que poderá retomar a casa ou apartamento se não for ressarcido, os juros são mais baixos e os prazos podem chegar a até 20 anos, dependendo da instituição. 

Porém, esse tipo de empréstimo tem CET alto, uma vez que você terá de registrar a operação em cartório, devido à alienação fiduciária. Além disso, podem ser cobradas tarifas também de avaliação do imóvel e de análise jurídica, que variam entre 500 reais e 2.500 reais e seguros. Portanto, é bom ficar alerta.

  • Antecipação da restituição do Imposto de Renda ou do saque-aniversário do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS)

Outro tipo de empréstimo que ganhou o coração dos brasileiros é a antecipação da restituição de Imposto de Renda (IR) ou do saque-aniversário do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

Ele pode ser feito através da conta pelo qual o benefício será pago. Em uma rápida consulta no Finanzero, observamos que as taxas partem de 1,93% ao mês, o equivalente a 25,78% ao ano.

Isso explica porque a instituição terá como garantia um benefício futuro e já datado. Porém, fique alerta, no caso do IR, se você cair na malha fina, o valor de restituição inicialmente previsto pode ser reduzido ou, pior, pode nem chegar a ser depositado, o que irá complicar ainda mais sua saúde financeira. 

  • Empréstimo com garantia de veículo

Nesse tipo de empréstimo, você coloca seu carro como garantia. Por isso, você reduz em até 40% a taxa de juros e continua usando o veículo normalmente, podendo pedir empréstimo de até 85% do valor do veículo ou até R$50 mil reais. A avaliação considera alguns critérios importantes, como o ano de fabricação do automóvel, a marca e o modelo. Ou seja, quanto mais novo seu carro, menores são as taxas e maiores são as chances de receber a oferta de crédito. 

Em uma rápida pesquisa na Finanzero, chamou a atenção a Sim Empréstimos, uma plataforma digital do banco Santander, que oferece esse valor com taxa fixa de incríveis 1,79% ao mês. 

Nela, para contrair essa modalidade, seu carro deve estar quitado, regularizado (sem multas) e ter no máximo 15 anos (a partir de 2006), além, claro, de estar em seu nome. Depois que o seu empréstimo for aprovado e o dinheiro for depositado na sua conta, você tem 30 dias para ir ao Detran onde seu veículo foi registrado e reemitir o documento com alienação fiduciária. Após pagá-lo, você terá o veículo em seu nome.

  • Empréstimo com garantia de moto

Sim, você não leu errado. Se você não tem um carro, mas tem uma moto, também pode usá-la para ter juros ainda menores. E somente uma empresa faz isso no mercado: a Sim empréstimos.

Além de oferecer a taxa mais baixa para carros, a Sim tem essa facilidade para quem anda em duas rodas.  Nele, as chances de conseguir a aprovação são maiores, mesmo que seu score não seja tão alto. Além disso, poderá ser quitado em até 24 vezes 

Neste, a moto deve estar quitada, regularizada (sem multas) e ter no máximo 5 anos (a partir de 2016), além de estar em seu nome. Tal qual o carro, quanto mais novo o modelo da moto, melhores as condições de empréstimo.

Aqui, assim como no carro, depois que o seu empréstimo foi aprovado e o dinheiro for depositado na sua conta, você tem 30 dias para ir ao Detran onde seu veículo foi registrado e reemitir o documento.

Está apertado financeiramente? Precisando de um empréstimo rápido? Clique abaixo e deixe que a Finanzero te mostre as opções mais baratas pra você!

         
Wallace Graciano
Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*