Vale Anuncia 1,9 Bilhão de Dólares Para Acabar Com 9 Barragens

Barragens são do mesmo tipo que romperam em Mariana (2015) e Brumadinho (2019)

Por: Eveline Miranda em 16/07/2019

Em comunicado a Vale informou que provisionou (separou para despesas que virão) para os próximos anos, cerca de US$ 1,9 bilhão (mais de 7 bilhões de reais) para encerrar 9 barragens e tornar seu entorno mais seguro.
Essa ação é uma resposta aos mais de 300 mortos no rompimento das duas barragens (Mariana e Brumadinho) e para evitar futuros acidentes.

O presidente da companhia afirma que “A Vale está passando por um momento crítico que criou oportunidades para identificar e reafirmar as prioridades da companhia: segurança, pessoas e reparação”.
Essa reavaliação interna na Vale criou a necessidade de um ambiente mais seguro e com isso o fim das barragens que apresentam maiores riscos.

Processo

No comunicado a empresa revela como será feito o processo de descomissionamento das barragens e em quanto tempo acontecerá:

• 2 serão completamente descomissionadas em 3 anos.
• 5 serão transformadas em a jusante antes do descomissionamento.
• 2 terão seu fator de segurança aumentado dentro de 3 anos antes do encerramento.

Como pode ser visto, o processo será longo mas visa aumentar a segurança das barragens com maior risco e que foram construídas no modelo montante.

Montante

Essa tecnologia de construção de barragens para rejeito de mineração é uma das mais baratas e menos seguras. Por isso tão perigosa e ultrapassada
A barragem é alterada (cresce) usando a parte sólida do rejeito como dique (barreira).
Degraus de rejeito sólido em cima de rejeito sólido, o que faz toda a estrutura ficar mais barata, mas menos estruturada.

Resultado

As 9 barragens de montante já estão desativadas e já não recebem mais rejeitos de mineração devido ao perigo do modelo de estrutura.
Como parte do plano de descomissionamento da vale, os processos de encerramento e descaracterização já começaram em algumas barragens.

Barragens

As 9 barragens mencionadas pela Vale no comunicado estão em Minas Gerais:

  • Barragem 8B (Nova Lima)
  • Barragem B3/B4 (Nova Lima)
  • Barragem Fernandinho (Nova Lima/Rio Acima)
  • Barragem Forquilha I (Ouro Preto)
  • Barragem Forquilha II (Ouro Preto)
  • Barragem Forquilha III (Ouro Preto)
  • Barragem Grupo (Ouro Preto)
  • Barragem Sul Superior (Barão de Cocais)
  • Barragem Vargem Grande (Nova Lima/Rio Acima)

Veja também como o dólar pode influenciar sua vida.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*